Overbooking e o seu Direito ao Dano Moral

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

O overbooking é prática condenável e intolerável, pois só leva em conta o interesse da companhia aérea, que assume o risco de deixar viajantes em terra por sua mera conveniência administrativa, em franco desrespeito ao consumidor.

A Turma entendeu que, nesse caso, a aflição causada aos passageiros excede substancialmente o mero percalço comum na vida das pessoas, gerando o direto à indenização.

REsp 211.604-SC, Rel. Min. Aldir Passarinho Junior, julgado em 25/3/2003.

Gostou? Deixe o seu Comentário...